Paraná

Neto afirma que estava na cena do crime, mas não matou avô

Apesar de dizer às autoridades que não é o autor do assassinato, o acusado não indicou quem seria a terceira pessoa.

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Neto afirma que estava na cena do crime, mas não matou avô
fonte: Reprodução

O suspeito de matar o próprio avô a facadas na madrugada desta sexta-feira (15), na região norte de Londrina, negou ser o autor do crime durante o primeiro depoimento na delegacia. Lucas de Souza Silva, de 40 anos, que é neto por consideração do idoso de 82 anos, afirmou que estava na cena do crime, mas quem matou a vítima foi outra pessoa.

continua após publicidade

Ele foi autuado pelo crime de latrocínio, que significa roubo seguido de morte. Logo após o assassinato, o rapaz ainda teria roubado o carro do idoso e batendo o veículo, que pegou fogo e ficou destruído. Um televisor e celulares também foram levados na ação criminosa.

O filho da vítima informou, inicialmente, que o rapaz teria ido até sua casa depois do crime e confessado a autoria.

continua após publicidade

Apesar de dizer às autoridades que não é o autor do assassinato, o acusado não indicou quem seria a terceira pessoa. A Polícia Civil vai continuar investigando o caso.

As informações são do portal Tem Londrina.