Paraná

MPPR denuncia policial por homicídio triplamente qualificado

A denúncia foi ofertada pelo MPPR perante a Primeira Vara do Júri de Curitiba

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
Imagem ilustrativa da notícia MPPR denuncia policial por homicídio triplamente qualificado
fonte: Reprodução/Vídeo

Nesta segunda-feira (16), o Ministério Público do Paraná (MPPR) denunciou o policial federal Ronaldo MAssuia Silva, de 43 anos, pelo crime de homicídio triplamente qualificado e por sete tentativas de homicídio triplamente qualificados. A denúncia foi ofertada pelo MPPR perante a Primeira Vara do Júri de Curitiba.

continua após publicidade

O policial é suspeito de atirar contra pessoas que estavam em uma loja de conveniência de um posto de combustíveis em Curitiba, no dia 1º de maio. André Muniz Fritoli, fotógrafo de 32 anos, morreu. 

No dia 11 de maio, a Polícia Civil indiciou Massuia por homicídio triplamente qualificado e quatro tentativas de assassinato. O policial está preso desde o dia 2 de maio. A Primeira Vara do Júri de Curitiba vai decidir se acata ou não a denúncia.

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News

Tags relacionadas: #Curitiba #MPPR