Paraná

Morre em Maringá, o jornalista Murilo Gatti

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Morre em Maringá, o jornalista Murilo Gatti
Morre em Maringá, o jornalista Murilo Gatti

Morreu nesta segunda-feira, 1º, o jornalista Murilo Gatti, em Maringá. Ele completaria 42 anos nesta terça-feira, 2. Gatti passou por uma cirurgia para remoção de um tumor na cabeça no fim de maio de 2020. Após complicações no início deste ano, precisou ser internado novamente. No hospital, ele contraiu a covid-19 e acabou falecendo. 

continua após publicidade

Murilo Gatti era editor-chefe do portal de notícias Maringá Post e do programa Tribuna da Massa, principal noticiário da TV Tibagi (Rede Massa). Nesta última empresa, atuou por três anos como repórter e cinco anos como produtor de conteúdo, quando foi convocado para assumir a direção do programa.

Formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), o jornalista foi repórter do jornal O Diário do Norte do Paraná durante dez anos – de 2005 a 2015 -, onde produziu conteúdo para as editorias de política, economia e cidades, além de reportagens especiais.

continua após publicidade

Murilo Gatti deixa a esposa Fernanda Tasim Gatti, e duas filhas: Luana e Melissa.

A Prefeitura de Maringá emitiu nota de pesar pelo falecimento do jornalista. Leia na íntegra:

O prefeito de Maringá, Ulisses Maia, se solidariza com a família e amigos do jornalista Murilo Gatti pelo seu falecimento nesta segunda-feira. “Murilo sempre foi um profissional ético e querido por todos, contribuindo de forma excepcional para o fortalecimento do jornalismo de qualidade”.  A Prefeitura de Maringá, por meio da Diretoria de Comunicação e demais secretarias, manifesta as mais sinceras condolências pela partida precoce do querido colega jornalista e presta solidariedade a todas as demais famílias que perderam pessoas neste período tão difícil.

continua após publicidade

Com informações, GCM ONline


Tags relacionadas: #covid #Maringá #morte