Paraná

Marialva proíbe moradores de lavar calçadas e carros

Prefeitura publicou um decreto que estabelece situação de emergência hídrica

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Marialva proíbe moradores de lavar calçadas e carros
fonte: Pixabay

A prefeitura de Marialva, região de Maringá, publicou um decreto que estabelece situação de emergência hídrica. Com isso, moradores da cidade estão proibidos de lavar carros e calçadas com uso contínuo de água.

continua após publicidade

A cidade informou que a ação foi necessária por causa das chuvas irregulares e da baixa disponibilidade de água em pontos de captação. O decreto é válido por 60 dias. Em novo decreto de emergência hídrica, 27 municípios do Paraná estão em alerta de rodízio; veja a lista

Em agosto, a prefeitura já havia determinado racionamento por causa do baixo índice no reservatório e em poços da cidade. A medida chegou a ser suspensa com as chuvas, mas precisou ser reaplicada.

continua após publicidade

Em relação às restrições, o decreto prevê exceção para os lava-jatos, que precisam ter um sistema que reduza o consumo de água ou que permita o reaproveitamento. A publicação também proíbe molhar ruas continuamente e manter torneiras, canos, caixas d'água, mangueiras entre outros eliminando água o tempo todo.

Moradores podem fazer denúncias de desperdícios pelos telefones (44) 3232-6853, (44) 99104-6446 ou (44) 98453-2348.

Com informações do site g1.