Paraná

Litoral do Paraná registra terceira morte por afogamento da temporada

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Litoral do Paraná registra terceira morte por afogamento da temporada
fonte: Bombeiros
Litoral do Paraná registra terceira morte por afogamento da temporada

O Corpo de Bombeiros registrou a terceira morte por afogamento no Litoral do Paraná neste domingo (27). A ocorrência foi por volta de 15 horas no balneário de Nereidas, em Guaratuba, em uma área não protegida por guarda-vidas. Segundo o Corpo de Bombeiros, a vítima, um rapaz de 23 anos, estava com uma prancha de isopor no mar quando houve o afogamento. Desde o início do Verão Consciente 2020/2021 já houve três mortes por afogamento, todas ocorridas fora de áreas protegidas com guarda-vidas.

continua após publicidade

Os guarda-vidas retiraram o homem da água e constataram que ele estava com pulso radial. Cerca de cinco minutos depois do início do atendimento, a vítima entrou em parada cardiorrespiratória. Os bombeiros militares,  a equipe médica do Samu e a tripulação do Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA) deram suporte e fizeram os procedimentos de reanimação cardiopulmonar por uma hora e meia, mas o rapaz não reagiu e entrou em óbito no local. D

Um homem de 60 anos morreu afogado no sábado (26) entre os balneários Currais e Albartroz, na praia de Matinhos, no Litoral do Paraná. Como não há posto e guarda-vida neste ponto do litoral, o Corpo de Bombeiros foi acionado e nove guarda-vidas militares e civis conseguiram tirar o homem da água já em parada cardiorrespiratória. Apesar de todo o esforço dos guarda-vidas que tentaram o reanimar durante 1h45, o homem morreu no local.

continua após publicidade

A primeira morte por afogamento nas praias paranaenses aconteceu no dia 19 de dezembro. Foi uma mulher também em Matinhos, que nadava às 20 horas em local também sem guarda-vida, ou seja em horário e local proibido. 

Resgatado

Um rapaz de 24 anos foi resgatado no início da tarde deste domingo (27) pelo Corpo de Bombeiros depois de se afogar na praia de Caiobá, em Matinhos, no litoral do Paraná. Ele estava em uma área sinalizada como não-protegida por guarda-vidas. Após quase duas horas de reanimação de cardio pulmonar, o jovem apresentou os sinais vitais e foi encaminhado para o Hospital Regional, em Paranaguá.

O jovem mora em Arapongas, no norte do Paraná. Veja o momento do resgate. 

Tags relacionadas: #afogamento #Bombeiros #paraná