Paraná

Incêndio em agência: PF cumpre mandado em casa de suspeito

Na noite do último domingo (20), por volta das 21 h, aconteceu um incêndio criminoso na Agência da Caixa, em Londrina

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Incêndio em agência: PF cumpre mandado em casa de suspeito
fonte: PF
Incêndio em agência: PF cumpre mandado em casa de suspeito

Na manhã desta quarta-feira (27),  policiais federais da Delegacia da PF em Londrina deram cumprimento a um mandado de busca e apreensão na casa de um suspeito de ter participado do incêndio criminoso na Agência San Remo da CAIXA, nesta cidade

continua após publicidade

 Na noite do último domingo (20), por volta das 21 horas, aconteceu um incêndio criminoso na Agência da CAIXA nesta cidade, quando duas pessoas utilizando máscaras e capuz, adentraram na sala de Autoatendimentos e ali se dirigiram a dois terminais e atearam fogo, utilizando-se de combustível líquido, deixando o local, sem se verificar ataque a outros terminais.  

Durante o levantamento efetuado pela perícia, se constatou que esses terminais eram utilizados especificamente para o recebimento de envelopes de depósito de numerários – cheques ou valores em espécie, para serem creditados nas contas.

continua após publicidade

Com base nessa informação, diante da suspeita de possível golpe que poderia estar sendo praticado, além da prática do incêndio, iniciou-se uma investigação com vistas a identificação dos supostos titulares de contas que poderiam ser beneficiadas pelos depósitos. Chamou a atenção a concentração de diversos envelopes em nome de algumas pessoas. Uma dessas pessoas, entrou em contato com a agência por meio de aplicativo de conversa e chegou a procurar a agência para reclamar a falta de crédito de valores.  

Os envelopes que teriam sido depositados nos terminais incendiados foram recuperados pelos técnicos da CAIXA e se verificou que em seu interior, havia apenas envelopes com alguns papéis com o nome, inclusive, da pessoa que sofreu as buscas nesta quarta. 

As investigações continuam para se verificar a participação das demais pessoas que seriam beneficiadas pelos depósitos. As buscas foram realizadas em uma residência no Jardim Shangri-lá.