Paraná

Idosa fica ferida em protesto após ser atingida por frutas

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Idosa fica ferida em protesto após ser atingida por frutas
fonte: Reprodução
Idosa fica ferida em protesto após ser atingida por frutas

Uma idosa de 73 anos que participava de uma manifestação na tarde de domingo em Curitiba ficou ferida após ser atingida por frutas congeladas arremessadas de um apartamento, segundo a Polícia Civil.

continua após publicidade

O caso aconteceu quando manifestantes da "Marcha da Família Cristã pela Liberdade" passavam pela Avenida Visconde de Guarapuava.

Os manifestantes protestavam contra as medidas restritivas e contra a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que autorizou estados e municípios a impor restrições a celebrações religiosas presenciais, como cultos e missas, em templos e igrejas durante a pandemia de Covid-19. A marcha também tinha faixas de apoio ao presidente Jair Bolsonaro.

continua após publicidade

De acordo com a polícia, frutas e um saco de gelo foram arremessados do 13º andar de um prédio. Uma fruta congelada acertou a idosa, que caiu no chão e bateu a cabeça na calçada.

Ela foi levada ao Hospital Evangélico Mackenzie com ferimentos na cabeça.

Segundo a Polícia Civil, uma mulher de 53 anos foi presa em flagrante, suspeita de tentativa de homicídio.

Com informações: G1