Paraná

Garoto de 13 anos morre por Covid-19; mãe e avó também

Da Redação ·

O garoto Leonardo Budske Busato, de apenas 13 anos, é mais uma vítima fatal da Covid-19. A mãe dele e a avó também morreram por complicações da doença.

continua após publicidade

O menino morreu na quarta-feira (17), a mãe dele, Eliandra Budske Busato, de 39 anos, em fevereiro, e a avó Eldora Mayer Budske, 64 anos, em março. 

Leonardo estava internado no Hospital Ônix, em Curitiba, no Paraná, desde o começo do mês, após apresentar  dificuldades para respirar. Ele foi entubado e estava na UTI. 

continua após publicidade

A mãe dele, era auxiliar administrativa e foi a primeira da família a contrair a doença. A família morava em Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), e desde a morte da mãe e da avó, a família usava as redes sociais para pedir orações pela vida de Leonardo e para a família.

Nas redes sociais a comoção é grande: 

"Existem alguns acontecimentos que na nossa compreensão humana sempre ficam sem resposta. Não há forma de tentar explicar os motivos para a partida tão repentina, apesar da morte ser uma das poucas certezas desta vida. Por vezes pedimos a Deus a intervenção e não sabemos lidar quando somos atendidos de uma forma diferente do que esperávamos, porque só vemos o aqui e o agora.Aprendo com tudo isso que: existe sim um jeito de viver bem esta vida terrena que cause diferença na vida de todos ao nosso redor. Eliandra Budske Busato viveu pouco menos que 40 anos e Leonardo Busato seus 12 anos. Aqui não cabe comentar o curto espaço de vida terreno, mas sim levar em conta como em tão pouco tempo, eles fizeram a diferença nas nossas vidas e foram sinal de Deus. Espero aprender a viver bem assim, intensamente, de modo que a partida seja de saudade do que foi vivido, mas na certeza de que o céu é logo.Que possamos ser para os que ficam consolo e presença de Deus, e, para os que se vão, sejamos intercessores por suas almas. Descansem meus amigos, o céu é logo", publicou uma amiga da família. 

continua após publicidade

"Meu Deus do céu quanta tristeza, perder três pessoas da mesma família em questão de dias. Primeiro nossa Eliandra Budske Busato, dez dias depois nossa Dora Budske e hoje o nosso príncipe Leonardo Busato nosso Leozinho. Perdas irreparáveis, que jamais serão superadas. Meu Deus que pesadelo, pessoas lindas, coração puro, devota a Deus. PORQUE SENHOR", escreveu outra amiga. 


Tags relacionadas: #avó #covid #filho #mãe #morte