Paraná

Fiscalização termina com 138 presos no fim de semana

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Fiscalização termina com 138 presos no fim de semana
fonte: Geraldo Bubniak/AEN
Fiscalização termina com 138 presos no fim de semana

As forças policiais do Paraná fiscalizaram 1.333 estabelecimentos comerciais e realizaram 553 ações de dispersão de aglomeração entre a meia-noite de sábado (27) e as 7 horas desta segunda-feira (1º). Foram 138 prisões e 47 adolescentes apreendidos no primeiro final de semana de reforço na fiscalização das medidas de proteção contra a Covid-19.

continua após publicidade

O balanço da Secretaria de Estado da Segurança Pública aponta que dois estabelecimentos foram interditados, 14 foram receberam sanções financeiras e 108 indivíduos receberam multas por diversas infrações, entre elas não usar a máscara de proteção. No total foram 919 denúncias – destas, 122 ocorrências confirmadas pelos policiais e incluídas no rol das fiscalizações de perigo de contágio. O trabalho foi realizado em parceria com as prefeituras e guardas municipais.

O relatório aponta, ainda, a apreensão três armas de fogo, 12 quilos de drogas, 355 drogas em unidades (porções e comprimidos) e um equipamento eletrônico, além de 33 veículos apreendidos/recuperados durante as ações.

continua após publicidade

O Governo do Estado intensificou a fiscalização em torno de abusos que buscaram burlar as medidas de combate à circulação do coronavírus determinadas pelo Decreto 6.983/2021, publicado na sexta-feira (26). Houve rigor na atuação contra aglomerações. Entre as ações estiveram a interrupção de uma festa em uma chácara em Guarapuava (Centro-Sul), de um baile funk em Curitiba e de um casamento em Foz do Iguaçu (Oeste).

O decreto do Governo do Paraná, adotado pela maioria das prefeituras, prevê, entre outras medidas, a suspensão do funcionamento dos serviços e atividades considerados não essenciais em todo o Estado e a ampliação na restrição de circulação das pessoas entre 20 horas e 5 horas. Também estão proibidas a comercialização e o consumo de bebidas alcoólicas em espaços de uso público ou coletivo nesse mesmo período.

“Todas as forças de segurança foram orientadas a tratar as situações com respeito, como sempre fizemos, mas com muita assertividade. Os nossos policiais passaram o final de semana orientando a população e, diante de comportamentos que fugiram do bom senso, agiram para garantir o que está disposto no decreto estadual”, disse o secretário da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares. “Montamos uma verdadeira força-tarefa para esta semana. Todos os paranaenses precisam respeitar esse momento para que o sistema de saúde consiga atender todos que precisam”.

Com informações: Banda B

Tags relacionadas: #comércio #Lockdown #paraná