Mais lidas
Ver todos

    Paraná

    Desembargador do Paraná morre vítima da Covid-19

    Foto por Divulgação
    Escrito por Da Redação
    Publicado em Editado em
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

    O Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) confirmou nesta terça-feira (30) a morte do Desembargador Francisco Pinto Rabello Filho, de 64 anos, vítima da Covid-19. Ele estava internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Marcelino Champagnat em Curitiba.

    O Presidente do TJPR, Desembargador Adalberto Xisto Pereira, decretou luto oficial de três dias.

    O Presidente da OAB Paraná, Cássio Telles, lamentou a perda do magistrado: “O desembargador Francisco Rabello foi um magistrado estudioso, que sempre demonstrou um senso acurado de justiça e equilíbrio. Fez votos brilhantes e bem fundamentados como desembargador. Debatia as teses, ouvia a advocacia e apresentava argumentos sólidos. É uma perda para a Justiça e para a sociedade paranaense”, disse.

    Francisco Pinto Rabello Filho, filho de Francisco Pinto Rabello e de Inês Chagas Bonfim, nasceu em Ibicaraí (BA), no dia 25 de março de 1956. Formou-se em Direito pela Universidade Estadual de Maringá (turma 1981).

    Ingressou na magistratura através de concurso para juiz substituto, sendo nomeado em 1º de julho de 1986 para a comarca de Cianorte. Novamente por concurso, atuou como Juiz de Direito a partir de 5 de março de 1987, nas comarcas de Cidade Gaúcha, Mandaguaçu, Paranavaí, Ponta Grossa, Maringá e Curitiba.

    Foi promovido a Desembargador do Tribunal de Justiça do Paraná no dia 31 de maio de 2006. Era professor universitário, mestre e doutor em Direito. É autor do livro "O Princípio da Anterioridade da Lei Tributária" e de artigos publicados em jornais e revistas especializadas.

    Com informações do TJPR

    Gostou desta matéria? Compartilhe!
    TNTV
    TNTV

    Acidente envolvendo três carros acontece no centro de Apucarana

    Deixe seu comentário sobre: "Desembargador do Paraná morre vítima da Covid-19"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.