Paraná

Dengue hemorrágica mata estudante universitário de Maringá

O Estado tem 16.560 casos confirmados de dengue e 65.040 notificações, em 360 municípios. Há, ainda, 19.051 casos em investigação

Da Redação ·
aedes aegypti popularmente conhecido como mosquito da Dengue
fonte: Arquivo TNonline
aedes aegypti popularmente conhecido como mosquito da Dengue

Um estudante universitário de apenas 20 anos, morreu em Maringá, vítima da dengue hemorrágica. É a quinta morte pela doença no Paraná, no ciclo sazonal iniciado em agosto de 2021. Na terça-feira (12), uma mulher, de 47 anos, também morreu em decorrência da doença.

continua após publicidade

A vítima mais recente, Daniel Barbosa Quessada, de 20 anos, é de Maringá. Ele cursava Direito numa universidade privada. O sepultamento ocorre nesta sexta-feira (15), no Cemitério Municipal de Maringá.

No boletim epidemiológico da dengue divulgado pelo Governo do Estado nesta semana foram confirmados três novos óbitos, totalizando cinco mortes pela doença no atual período sazonal da doença, iniciado em 1º de agosto do ano passado e que segue até julho de 2022.

continua após publicidade

O Estado tem 16.560 casos confirmados e 65.040 notificações, em 360 municípios. Há, ainda, 19.051 casos em investigação. Devido ao aumento dos casos, a Secretaria de Estado da Saúde realizou nesta semana uma reunião para mapear e sugerir novas medidas de enfrentamento da dengue no Paraná.

A reunião teve participação de gestores da Secretaria de Saúde do Paraná, os diretores das 22 Regionais de Saúde, apoiadores do Conselho de Secretários Municipais de Saúde (Cosems/PR), o presidente da Associação dos Municípios do Paraná (AMP), Júnior Weiller, e o diretor executivo do Consórcio Paraná Saúde, Carlos Roberto Kalckmann Setti.

continua após publicidade


Com informações Bem Paraná