Paraná

Covid-19: Fila de espera por leitos bate recorde no Paraná

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Covid-19: Fila de espera por leitos bate recorde no Paraná
fonte: AGÊNCIA ESTADUAL
Covid-19: Fila de espera por leitos bate recorde no Paraná

A fila de pacientes com confirmação e suspeita de Covid-19 à espera de um leito bateu recorde no Paraná nesta segunda (15). São 1.320 pessoas na fila por uma vaga nas redes pública e privada no Estado, sendo que 612 delas estão em estado grave. São 530 pacientes que precisam ir para a UTI e 708 que aguardam um leito clínico, ou seja na enfermaria. Na Grande Curitiba, a fila chegou a 471 pacientes. 

continua após publicidade

Dos 13 hospitais com vagas exclusivas para Covid-19 pelo SUS na Grande Curitiba, oito deles estão com 100% de taxa de ocupação nas UTIs, segundo levantamento da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) desta segunda (15). Dos 16 hospitais, incluindo o complexo de UPAs de Curitiba, com leitos clínicos, dez estão sem nenhuma vaga. Para toda a região Metropolitana de Curitiba, restam apenas 15 leitos de UTI  e 104 de enfermaria. A taxa de ocupação no Paraná está em 96% no caso das UTIs. As macorregiões Oeste e Norte bateram os 98% de ocupação para UTI, enquanto a Leste fechou em 96% nesta segunda. A Macrorregião Noroeste tem ocupação em 89%. 

Sete hospitais particulares de Curitiba estão com restrições

continua após publicidade

A cada dia, mais hospitais particulares de Curitiba anunciam restrições no pronto-atendimento por falta de vagas. Nesta segunda (15), o Hospital INC, especializado em Neurologia, Neurocirurgia e Cardiologia, que atua no combate à pandemia, com leitos exclusivos para pacientes com Covid, agora só receberá pacientes com emergências neurológicas e cardiológicas.   "Devido à alta demanda registrada no período, passamos do limite da nossa capacidade instalada de leitos. Sendo assim, o pronto-atendimento (PA) do Hospital INC estará restrito somente a atendimentos de emergências neurológicas e cardiológicas no momento", afirma o comunicado do hospital.

Outros seis hospitais privados já anunciaram restrição de atendimento por colapso: Hospital Pilar, Hospital Vita Batel, Hospital Vita Linha Verde, Marcelino Champagnat, São Vicente Centro e Hospital Nossa Senhora das Graças. As restrições variam dia a dia dependendo da liberação de leitos e alta de paciente, mas todos admitem que a situação beiram o colapso. 



Tags relacionadas: #covid #fila #leitos #paraná