Paraná

Acusado de abusar e matar garotinha de 6 anos é condenado a 41 anos de prisão

Da Redação ·
Tábata, garota de 6 anos que fpi vítima de abuso sexual e morta.
fonte: Reprodução
Tábata, garota de 6 anos que fpi vítima de abuso sexual e morta.

Nesta quinta-feira (15), ocorreu um júri popular que determinou a condenação de Eduardo Leonildo da Silva, de 33 anos, acusado de estuprar e matar Tábata Fabiana Crespilho da Rosa, de 6 anos. O crime aconteceu em 2017 em Umuarama. Eduardo foi condenado a 41 anos de prisão.

continua após publicidade

O júri foi realizado na cidade de Cascavel e durou cerca de nove horas. O acusado deve continuar preso em Curitiba. Ele participou do julgamento por meio de transmissão ao vivo.

O caso

continua após publicidade

Em setembro de 2017, Tábata desapareceu quando retornava da escola. O corpo foi localizado com sinais de abuso sexual enterrado em uma região de mata. De acordo com a promotoria, o homem reponde por outros dois crimes de estupro e também por assassinar uma jovem, de 15 anos.