Mais lidas
Paraná

Investigação de receptação de veículos leva polícia até grupo criminoso

.

Um trabalho de investigação da equipe policial da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV), de Curitiba, resultou na prisão de quatro rapazes integrantes de um grupo criminoso suspeito de cometer crimes de receptação de veículos, produção e distribuição de drogas sintéticas, além de roubo a instituições financeiras - possivelmente explosões de caixas eletrônicos. A prisão aconteceu na noite de terça-feira (24), em São José de Pinhais, Região Metropolitana de Curitiba. 

De acordo com a polícia, a equipe investigava casos de adulteração e receptação de veículos quando chegou até uma residência localizada na Rua Vicente Vanovicz, no Bairro Ipê, em São José dos Pinhais. No local, os policiais localizaram um veículo Fiat Linea que apresentava suspeita de adulteração, além de explosivos, entorpecentes, armas e produtos para a produção de drogas sintéticas. O veículo também foi recolhido e será periciado.

Conforme a polícia, foram apreendidos na residência, 10 bananas de explosivos; um revólver de calibre 22; um revólver de calibre 38; três munições de calibre 38; embalagens para drogas; balança de precisão; coldre; 800 gramas de maconha; dois dichavadores (equipamento para triturar maconha); uma forma para drogas; dois martelos usados para prensar comprimidos e 600 gramas de substância para secagem dos comprimidos. 

Também foram localizados e apreendidas substâncias usadas na preparação de drogas sintéticas, possivelmente ecstasy. Foram recolhidas as seguintes misturas: 34 gramas de cor roxa; 73 gramas de cor azul; 60 gramas de cor amarelo claro; 76 gramas de cor amarelo escuro e três gramas de cor rosa. Já prontos para comercialização foram apreendidos 84 comprimidos amarelos e 42 comprimidos de cores diversas. Os policiais ainda recolheram diversas cápsulas de uma substância que será analisada. 

Para o delegado responsável pelo caso, Victor Menezes, as prisões representam um ótimo trabalho da delegacia. “Tiramos de circulação integrantes de um grupo criminoso suspeito de cometer diversos crimes na capital, além das várias apreensões realizadas pela equipe”, falou de delegado.

A quadrilha foi autuada em flagrante pelos crimes de receptação, associação criminosa, tráfico de drogas, ter instrumentos para produção de drogas, posse ilegal de explosivos, posse ilegal de armas de fogos. Todos foram encaminhados ao Setor de Carceragem Temporária da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos, onde permanecem à disposição da Justiça.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber