Mundo Bizarro

EUA condenam a 18 anos de prisão homem que criou sites de “vingança porno”

Da Redação ·
A Califórnia publicou em Outubro de 2013 uma legislação específica para este tipo de crimes AFP -  publico.uol.com.br
A Califórnia publicou em Outubro de 2013 uma legislação específica para este tipo de crimes AFP - publico.uol.com.br

Um homem foi condenado a 18 anos de prisão nos Estados Unidos depois de ter criado sites com mais de 10 mil fotografias sexualmente explícitas de pessoas que não deram o seu consentimento para tal – uma prática que está judicialmente enquadrada e conhecida como “vingança porno” ou “pornografia de vingança”.

Kevin Christopher Bollaert, de 28 anos, foi considerado como culpado de 27 delitos por um tribunal em São Diego, na Califórnia. Em causa está a gestão de vários sites de “pornografia de vingança” através dos quais conseguiu arrecadar milhares de dólares, adianta a agência noticiosa AFP, explicitando que em causa estão casos de extorsão e roubo de identidade.

Além das imagens, Kevin Christopher Bollaert divulgava também, em muitos casos, outros dados pessoais dos envolvidos, como a morada ou olink para os perfis na rede social Facebook. O esquema não ficou por aqui, com Kevin a ser também condenado por ter criado um outro site através do qual pedia 350 dólares às pessoas que o contactavam para adquirir as fotografias.

continua após publicidade

O processo contou com o testemunho de 21 vítimas.


Fonte: publico.uol.com.br