Maringá

Maringá confirma caso de raiva em cão 

Da Redação ·

A Secretaria de Saúde de Maringá confirmou ontem (04/03) o primeiro caso de raiva canina neste ano na cidade. O caso foi registrado na primeira quinzena de fevereiro. De acordo com informações da Secretaria, o animal, de apenas quatro meses, foi infectado durante uma viagem ao Macapá (AP), região Norte do Brasil. O cãozinho teria começado a apresentar os sintomas assim que retornou de viagem.

continua após publicidade

Com o resultado positivo, a Secretaria de Saúde fez um levantamento para identificar os locais por onde o cãozinho passou e, inclusive, se entrou em contato com outros animais do bairro. O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) e o setor de imunobiológicos de Maringá já tomaram algumas medidas, entre elas, identificação e tratamento de profilaxia da raiva aos profissionais e contribuintes que entraram em contato com o animal e a vacinação de cães e gatos ao redor da residência que animal morava.

Profissionais de Saúde também tem realizado conscientização dos moradores do bairro sobre a doença e o tratamento profilático pós-exposição aos contribuintes, médicos veterinários e assistentes envolvidos.

continua após publicidade

MORCEGOS – A Secretaria de Saúde de Maringá também confirmou o primeiro caso de raiva em morcego. A identificação também aconteceu em fevereiro. O morcego foi recolhido na semana passada. Com este caso, desde 2013, são 14 morcegos identificados com raiva na cidade.