Londrina

​HU de Londrina confirma fechamento da ala de queimados

Da Redação ·
A superintendente do Hospital Universitário (HU) de Londrina, Elizabeth Ursi, confirmou o fechamento da ala de queimados do estabelecimento - Foto: encaminhada por Eliandro Piva
A superintendente do Hospital Universitário (HU) de Londrina, Elizabeth Ursi, confirmou o fechamento da ala de queimados do estabelecimento - Foto: encaminhada por Eliandro Piva

A superintendente do Hospital Universitário (HU) de Londrina (norte do Paraná), Elizabeth Ursi, confirmou o fechamento da ala de queimados do estabelecimento e a suspensão de atendimento aos pacientes, que procuram espontaneamente o pronto-socorro da instituição. A informação é do jornalista Lino Ramos, da Rádio Paiquerê/blog Bicho-Pau. A ala de queimados será fechada depois que os 16 pacientes internados na unidade receberem “alta”.  

As vítimas de queimaduras levadas HU de Londrina (Norte do Paraná) serão transferidas para a ala de queimados do Hospital Evangélico, em Curitiba, a partir de segunda-feira (17), O estabelecimento da Capital agora é o único hospital do Estado a prestar atendimento especializado para vítimas de queimaduras.  

DEFASAGEM DE SERVIDORES

Elizabeth Ursi explicou que o fechamento da ala no HU de Londrina aconteceu por causa da defasagem de servidores na instituição: Segundo ela, o HU precisa de pelo menos 370 novos funcionários, que deveriam ser contratados em caráter de urgência. A superintendente do HU acrescentou que a situação é agravada pela déficit no repasse das vebas de custeio feitas pelo governo do Paraná.

continua após publicidade