Londrina

​Mercadão era ponto de encontro de rede de exploração sexual em Londrina

Da Redação ·

A promotora Suzana de Lacerda, da 6.ª Vara Criminal de Londrina, concluiu mais duas denúncias entre segunda (23) e esta terça-feira (24) relacionadas ao esquema de exploração sexual de adolescentes descoberto em Londrina no dia 13 de janeiro, quando o auditor da Receita Estadual Luiz Antônio de Souza foi preso em um conhecido motel da cidade na companhia de uma adolescente de 15 anos. As informações são do Bonde.

continua após publicidade

Conforme a promotora, os suspeitos denunciados se encontravam com as meninas exploradas nas imediações e também no interior do mercadão do jardim Shangri-lá, na zona oeste.

Ela também garantiu que apesar de ser ponto de encontro, o mercadão não revelou ao Ministério Público (MP) novas informações ou suspeitos da rede de exploração sexual.

continua após publicidade

A promotora lembrou, ainda, que os suspeitos e as aliciadoras também conversavam e combinavam programas com as adolescentes por meio de mensagens de celular, ligações telefônicas e até em um grupo fechado do Facebook.

Confira matéria completa AQUI