Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

Assassinato aumenta importância da intervenção, diz comandante do Exército 

.

FABIANO MAISONNAVE

MANAUS, AM (FOLHAPRESS) - O comandante do Exército, general Eduardo Villas Boas, afirmou nesta sexta-feira (16), que o assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ), há dois dias, reforça a necessidade da intervenção militar no Rio de Janeiro.

"O assassinato aumenta a importância da intervenção", disse Villas Boas, ao ser questionado pela reportagem sobre o impacto do crime na intervenção, durante evento militar em Manaus.

"Esse crime é mais um de tantos milhares que afetam o dia a dia da população. Portanto é um trabalho extremamente detalhado. Tem de ser amplo, profundo e de longo tempo para nós recuperarmos a percepção de segurança de que a população brasileira precisa", completou.

Sobre o primeiro mês da intervenção, Villas Boas afirmou disse que a atuação militar teve pouca visibilidade até agora: "Os problemas, pela sua profundidade, exigem estudos e planejamento detalhado. Mas acreditamos que, agora, no prosseguimento, os resultados começarão a surgir."

Villas Boas está na capital do Amazonas para participar da troca na liderança do Comando Militar da Amazônia. Após cerca de dois anos, o general Geraldo Antonio Miotto passou o cargo para o colega César Augusto Nardi de Souza.




O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber