Mais lidas
Geral

Bloco 'Alô, Abacaxi', em BH, dá recado contra homofobia e preconceitos

.

BELO HORIZONTE, MG (FOLHAPRESS) - Em uma parada em frente a uma igreja, o bloco "Alô, Abacaxi", que desfilou no Barro Preto, em direção à Praça Raul Soares, em Belo Horizonte, neste domingo (11), aproveitou para dar um recado contra a homofobia.

"A gente respeita a Igreja, mas queremos ser respeitados também", disse um cantor do bloco formado por homossexuais. "A gente é gente, a gente tem família. A gente só é viado, fazer o quê?", completou.

Mães e pais dos integrantes do bloco também participaram do desfile, apoiando os filhos. O grupo Mães pela Diversidade foi outra presença no cortejo.

O bloco lembrou ainda os números da violência contra homossexuais, pediu respeito às mulheres e consciência no voto.

Da sacada dos prédios, moradores dançaram com o bloco. Em uma das varandas, mulheres sacudiram uma bandeira LGBT com as cores do arco-íris, gerando euforia no público e na bateria.

Foliões e integrantes do bloco, que é inspirado na Tropicália, foram majoritariamente vestidos de abacaxi, mas também houve espaço para fantasias de morango, melancia, limão e adereços ao estilo de Carmem Miranda.

O bloco é um dos 480 que desfilam no Carnaval de Belo Horizonte, que vem crescendo a cada ano. Em 2016, eram apenas 200 blocos.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber