Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Geral

OMS inclui SP em área de risco de febre amarela; mutirão é antecipado

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A OMS (Organização Mundial de Saúde) incluiu nesta terça-feira (16) todo o Estado de São Paulo, além da capital e do litoral, no mapa das áreas de risco para contaminação de febre amarela.

Simultaneamente, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) resolveu antecipar a campanha emergencial de vacinação contra a doença no Estado. Em vez do dia 3 de fevereiro, doses fracionadas (0,1 ml) da vacina serão aplicadas a partir do dia 29 deste mês em 53 cidades paulistas que estão em áreas de risco.

Na prática, a entidade endureceu as recomendações para os viajantes estrangeiros que pretendem visitar o Estado. Agora, os turistas serão orientados a se vacinar contra a doença ao menos dez dias antes da viagem para qualquer área do Estado. Antes, essa recomendação era dada apenas para quem visitava a região Norte de São Paulo.

A entidade destacou que mudou o status de São Paulo em razão da elevação do número de casos da doença registrados entre humanos e macacos de 2017 para cá. De acordo com a secretaria de Saúde do governo Alckmin, 21 pessoas morreram por complicações de febre amarela no Estado.

Segundo balanço da OMS, de dezembro de 2016 a junho de 2017, o Brasil contabilizou 777 casos de febre amarela, com 261 mortes, em oito estados. A maioria deles estava concentrada em Minas Gerais, mas a contaminação também se alastrou por São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Bahia, Mato Grosso, Pará e Tocantins.

"Após a temporada de inverno de 2017 no hemisfério sul, observou-se novamente uma maior atividade do vírus da doença", disse a organização. "A determinação de novas áreas consideradas em risco para a transmissão da febre amarela é um processo contínuo e as atualizações serão fornecidas regularmente".

Além de São Paulo, a OMS passou a considerar como áreas de risco de contaminação de febre amarela a porção norte do Rio de Janeiro, o sul da Bahia e todo o Espírito Santo. Já estavam nessa lista todos os Estados do Norte e do Centro-Oeste, além de Maranhão, Minas Gerais e partes dos Estados da região Sul, de São Paulo, da Bahia e do Piauí.

VACINAÇÃO EMERGENCIAL

Os Estados de São Paulo, Bahia e Rio entraram no alvo de uma campanha emergencial de vacinação do Ministério da Saúde para conter o avanço da febre amarela em áreas que até então não tinham recomendação para imunização contra a doença. Nos três Estados, a meta será a de alcançar 19,7 milhões de pessoas.

Para isso, a ideia é utilizar doses fracionadas da vacina, feitas com 1/5 da do tipo padrão. Segundo o secretário paulista de Saúde, David Uip, a imunização começará pelas regiões com maior risco de transmissão do vírus e, posteriormente, se estenderá às demais áreas da capital -mas só numa segunda fase. "A Sé e a Paulista, por exemplo, são as que têm menos risco, devem ser as últimas". Atualmente, a cobertura vacinal nas áreas de recomendação de imunização do Estado é de 85%.

Na capital paulista, a imunização fracionada será disponibilizada em 15 distritos. São eles: Capão Redondo, Cidade Dutra, Cidade Líder, Cidade Tiradentes, Grajaú, Guaianases, Iguatemi, Jardim São Luís, José Bonifácio, Parque do Carmo, Pedreira, São Mateus, São Rafael, Socorro e Vila Andrade.

Em todo o Estado de São Paulo, a campanha será realizada em 53 cidades. Em 40 delas, a dose será ofertada para toda a população, devido à alta concentração de mata. Nos 13 municípios restantes, a vacina será dada aos moradores de locais mais vulneráveis. A meta é vacinar 6,3 milhões de pessoas no Estado.

Vale lembrar que os brasileiros que têm viagem marcada para países que exigem certificado internacional de vacinação contra a febre amarela e ainda não se imunizaram só receberão o documento se tomarem a dose padrão (0,5 ml).

VEJA AS CIDADES DE SP QUE TERÃO VACINAÇÃO

Aparecida

Arapeí

Areias

Bananal

Bertioga

Caçapava

Cachoeira Paulista

Canas

Caraguatatuba

Cruzeiro

Cubatão

Cunha

Diadema

Guaratinguetá

Guarujá

Igaratá

Ilhabela

Itanhaém

Jacareí

Jambeiro

Lagoinha

Lavrinhas

Lorena

Mauá

Mongaguá

Monteiro Lobato

Natividade da Serra

Paraibuna

Peruíbe

Pindamonhangaba

Piquete

Potim

Praia Grande

Queluz

Redenção da Serra

Ribeirão Pires

Rio Grande da Serra

Roseira

Santa Branca

Santo André

Santos

São Bento do Sapucaí

São Bernardo do Campo

São José do Barreiro

São José dos Campos

São Luís do Paraitinga

São Sebastião

São Vicente

Silveiras

Taubaté

Tremembé

Ubatuba

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber