Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Geral

'Há um rastro de humanidade profundo ali", diz Mayana Neiva sobre personagem

.

CRIS VERONEZ

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - Os olhos de Mayana Neiva lacrimejaram quando ela falou sobre o processo de criação da prostituta Leandra, sua personagem em "O Outro Lado do Paraíso", novela das 21h da Globo. "É um universo muito diferente. Nunca tinha feito uma prostituta e pesquisei bastante. Fui atrás de referências em filmes, documentários, livros. Depois fui para a vida falar com as pessoas, conhecer, e aí é que é a coisa toma uma outra dimensão. Também peguei um pouco no aspecto político e moral do tema. Existe um rastro de humanidade muito profundo ali. Me arrepio só de falar." A atriz de 34 anos diz que sua personagem é "uma prostituta do Brasil profundo", e por isso buscou entender os bastidores da profissão desglamourizada. "A Leandra não é como Bruna Surfistinha, por exemplo. Nossas histórias se passam no Tocantins. Não era uma Avenida Atlântica [em Copacabana, zona sul do Rio]. Conversei com uma mulher que cobrava de 30 a 40 reais por um programa. Era uma vida sofrida", relata.Tristezas e aflições, no entanto, segundo Neiva, fazem parte de um universo que também consegue abarcar o amor, o prazer e outras delícias da vida -um paradoxo que a atriz precisou entender para dar vida a Leandra."Aprendi a não julgar ninguém. Aprendi também que existe alegria, potência e amor na vida dessas mulheres. Eu quis trabalhar os opostos. Já estava dito no texto que eu seria uma prostituta. Então eu tinha que trazer qual era o sonho dessa mulher, o que ela tem de bonito. Existe uma descoberta humana", afirma a atriz. Neiva diz que na segunda fase da novela, que se passa num recorte de tempo dez anos à frente da primeira, busca dar um toque maior de leveza e alegria a sua personagem."No começo, eu trouxe um pouco mais de dor para ela, para não glamourizar a profissão. Agora estou descobrindo as dores e as delícias se ser a Leandra [...] Dentro desse lugar talvez estranho ao nosso olhar, existe amor, diversão. A quantidade de realidades existentes é muito louca. É quase indecifrável."

HIATO NA CARREIRA

Mayana Neiva estava há quatro anos e meio fora do Brasil e voltou especialmente para integrar o elenco de "O Outro Lado do Paraíso". Aos 16, ela se formou em teatro na Universidade de São Francisco, nos Estados Unidos. Desta vez, resolveu ir para Nova York com o objetivo principal de se dedicar a pesquisas na área de atuação em cinema e vídeo. Durante o tempo em que esteve fora, fez peças de teatro, filmes e séries em outros países também. A Argentina foi um deles. Ela também chegou a morar no Uruguai. "Acho que eu trouxe uma bagagem, de alguma maneira. Uma interlocução com o mundo. Volto nesse momento para esta novela com muito amor pelo meu país, com muito desejo de voltar ao Brasil. Existe uma coisa muito boa que só a novela traz, que é uma comunicação direta com o povo. Isso é uma coisa mágica." A atriz aproveitou para elogiar a equipe da trama, especialmente o autor Walcyr Carrasco e o diretor artístico, Mauro Mendonça Filho. "Estou muito feliz. Essa novela é muito cuidada. Fazemos ela como se fosse cinema. Os diretores cuidam de cada plano, de cada detalhe", disse. E acrescentou: "O bom de fazer uma obra em aberto é que você como ator fica em um trabalho constante de abertura de outras direções possíveis. O Walcyr, nesse sentido, sempre vai encaixando, nivelando uma história embaixo da outra, e você como ator deve estar lá batendo essa bola, pronto para se posicionar. Isso deixa a gente muito vivo. É muito estimulante viver um personagem que aparentemente é uma coisa, depois é outra. Essa trama guarda muitos mistérios". Nos últimos capítulos da novela, o público conheceu uma nova faceta de Leandra: a prostituta é dona de uma fazenda de soja e tem um noivo. A personagem também mostrará que possui várias outras conexões fora de seu núcleo original. "Eu sei quem é o sócio misterioso do bordel. Vai ser um choque na cara da sociedade [risos]. Acho que com a chegada da Clara [Bianca Bin] na segunda fase da trama várias coisas vão ser descobertas."

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber