Mais lidas
Geral

Terremoto em ilha turística na Itália deixa pelo menos duas pessoas mortas

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Um terremoto atingiu a ilha italiana de Ischia, que fica há cerca de 35 quilômetros de Nápoles, nesta segunda-feira (21), deixando pelo menos duas pessoas mortas e 39 feridas.

O tremor aconteceu durante a temporada de férias europeias e o local estava cheio de turistas.

Uma das vítimas é uma idosa que morreu ao ser acertada por escombros que caíram de uma igreja. A outra vítima é também uma mulher, que teve o corpo encontrado sob os escombros de uma casa. Ainda não há informação sobre suas identidades.

Nesta terça (22), bombeiros resgataram com vida três crianças que estavam presas nos escombros.

Na segunda (21), a polícia disse que existe a possibilidade do número de vítimas aumentar, já que há pessoas presas nos escombros.

Segundo o médico Roberto Alloca, que trabalha no hospital local, 26 pessoas ficaram feridas, todas sem gravidade. Ele disse que a a situação é calma e está sob controle.

De acordo com o jornal italiano "La Reppublica", uma família de sete pessoas, incluindo três crianças, está presa em uma casa que desabou. Todos estão vivos e equipes já estão no local para fazer o resgate, diz a publicação.

Segundo o instituto italiano que analisa os tremores, o terremoto começou por volta das 21h horas locais (16h de Brasília). A região mais atingida foi Casamicciola, na parte norte da ilha.

A magnitude do tremor foi inicialmente de 3,6 graus na escala Richter, depois atualizada para 4, segundo o instituto italiano, com profundidade de 10 quilômetros.

Pelo menos um hotel e parte de um hospital tiveram que ser evacuados depois dos terremotos.

A ilha, que tem população de cerca de 60 mil pessoas, é um tradicional destino turístico devido a suas águas quentes e a atividade vulcânica.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber