Mais lidas
Geral

ARTE - Cronologia com a história do terreno do parque Augusta

.

- 1902 - Palacete Uchoa é construído onde hoje é o terreno do parque

- 1907 a 1967 - Tradicional colégio feminino Des Oiseaux funciona no local

- 1970 - Prefeitura decreta utilidade pública do espaço para fazer um jardim

- 1973 - Decreto é revertido pelos proprietários, que anunciam a construção de um hotel

- 1974 - Palacete é demolido; sobra apenas uma casa, hoje tombada

- 1977 - Construtora Teijin compra o terreno para fazer um complexo hoteleiro, mas projeto naufraga

- Anos 80 - Uma lona circense no local abriga o Projeto SP, com shows e atividades

- 1989 - Decreto de Jânio Quadros obriga a manutenção da área aberta

- 1996 - O ex-banqueiro do BCN Armando Conde adquire o terreno da Teijin

- 2004 - Bosque que existe no local é tombado

- 2006 - Conde anuncia hipermercado, e embate com moradores começa. Ele desiste e decide construir 3 torres comerciais, mas projeto também é rejeitado

- 2008 - Prefeito Kassab (PSD) decreta utilidade pública do local novamente

- 2011 - Câmara aprova em 1ª votação criação de parque

- 2012 - Empresas Setin e Cyrela apresentam seu projeto para a área, com construção de torres

- 2013 - Decreto de utilidade pública caduca, Cyrela e Setin formalizam compra do terreno, e portões são fechados ao público. Haddad (PT) sanciona lei autorizando a criação do parque

- 2014 - Em janeiro, Secretaria do Verde e do Meio Ambiente afirma que não tem verba para bancar a construção

- 2015 - Cerca de 300 ativistas ocupam o terreno por dois meses, enquanto conselho municipal aprova projeto de construtoras para empreendimento. Em abril, Justiça concede liminar para abertura do portão

- Abr.2016 - Ação do Ministério Público contra construtoras pede devolução da área e indenização por danos morais coletivos

- Out.2016 - Durante a campanha eleitoral, Doria diz ao "Estado de S. Paulo" que parque não sairia do papel: "A prefeitura não vai gastar dinheiro público nisso"

- Abr.2017 - Doria anuncia que vai oferecer terrenos públicos às empreiteiras em troca da área do parque

- 4.ago.2017 - Prefeitura e construtoras anunciam acordo

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber