Mais lidas
Geral

Ação de ladrões interrompe churrasco e deixa um morto e três feridos em SP

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Dois homens foram baleados após tentarem assaltar um grupo de pessoas que fazia um churrasco na noite deste domingo (9), na Vila Nova Pauliceia, zona leste de São Paulo. Uma mulher e um homem que estavam no evento também foram feridos na cabeça e na mão, respectivamente.

O crime aconteceu por volta das 19h, na rua Alexandrina Pereira Novaes. Segundo a SSP (Secretaria de Segurança Pública), familiares e amigos faziam um churrasco na calçada, quando os dois homens chegaram em uma moto e anunciaram o assalto.

O sargento da PM, Adriano do Carmo Silva, que atendeu a ocorrência no local, disse ao "SP1", da TV Globo, que os dois bandidos atiraram um contra o outro após um deles ter baleado uma moradora. "Um ficou cobrando o outro que não haveria necessidade do disparo, começaram a ser agredir e a dar tiros um no outro", afirmou.

A sala de imprensa da PM, no entanto, afirmou que havia pessoas armadas entre os participantes do churrasco e, por isso, teve início o tiroteio. Procurada a Secretaria de Segurança Pública disse que apenas a investigação irá determinar detalhes de como ocorreu o crime.

Segundo a pasta, os dois assaltantes foram identificados como Otávio Luna de Jesus, 20, encontrado morto próximo ao local do crime, e Caíque Delgado Frangiosi, 18, que foi socorrido baleado ao Hospital Vila Alpina. Ele segue internado, sob escolta policial, mas seu estado de saúde não foi informado.

Outra vítima, uma mulher de 45 anos, que estaria no churrasco foi ferida na região da cabeça e levada ao Hospital Saboya, no Jabaquara (zona sul), mas sua família não autorizou a divulgação de seu estado. O homem, que também estaria no churrasco, foi ferido na mão e não corre risco.

O caso foi registrado no 69º DP (Vila Penteado) como roubo seguido de morte, mas deverá ser investigado pelo DHPP (Departamento de homicídios e de Proteção à Pessoa).

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber