Geral

Ao menos três pessoas morrem em tiroteios em favelas no Rio de Janeiro

.

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - Tiroteios em favelas no Rio deixaram ao menos três pessoas mortas nesta quarta-feira (28). Duas pessoas morreram no Pavão-Pavãozinho, em Copacabana, na zona sul do Rio, após troca de tiros entre policiais e criminosos.

O porteiro Fábio Alcântara, 39, foi atingido por estilhaços de granada. Elisângela Gonçalves, 38, teve um infarto durante o tiroteio e chegou a procurar atendimento em uma clínica da favela, mas morreu.

Outras cinco pessoas ficaram feridas no Pavão-Pavãozinho. De acordo com a polícia, as cinco foram levadas para o Hospital Municipal Miguel Couto, na zona sul. Uma terceira pessoa morreu durante um tiroteio na Rocinha. A PM não confirmou sua identidade.