Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

ATUALIZADA - Trump diz que não gravou conversas com ex-diretor do FBI

.

ISABEL FLECK

WASHINGTON, EUA (FOLHAPRESS) - Após quase seis semanas de suspense, o presidente Donald Trump negou nesta quinta (22) que tenha gravado suas conversas com o ex-diretor do FBI (polícia federal americana) James Comey, demitido pelo presidente em 9 de maio.

O próprio Trump havia sugerido que poderia ter feito as gravações em um tuíte três dias depois da demissão. "É melhor James Comey torcer para que não haja 'gravações' de nossas conversas antes que ele comece a fazer vazamentos para a imprensa!", escreveu, na época.

Os questionamentos sobre a existência ou não de fitas havia se intensificado nos últimos dias.

"Com toda a vigilância eletrônica recentemente relatada, interceptações, desmascaramentos e vazamento ilegal de informação, eu não tenho ideia se há 'fitas' ou gravações das minhas conversas com James Comey, mas eu não fiz, e não tenho, nenhuma gravação desse tipo", disse Trump nesta quinta.

A primeira mensagem de Trump tinha sido uma aparente reação a uma reportagem do "New York Times" na véspera, com detalhes sobre um jantar, em 27 de janeiro, em que Trump teria pedido a "lealdade" de Comey. Em resposta, o então diretor do FBI teria prometido ao presidente apenas "honestidade".

A versão foi sustentada depois por Comey em depoimento ao Comitê de Inteligência do Senado no início do mês, no qual ele também confirmou que Trump teria dito esperar que ele "deixasse de lado" a investigação federal sobre o ex-conselheiro de Segurança Nacional Michael Flynn. O ex-diretor disse que interpretou a frase como uma "orientação".

Uma ordem para encerrar a investigação sobre Flynn pode ser vista como tentativa de obstrução da Justiça, crime passível de impeachment.

"Meu Deus, eu espero que existam as fitas", disse Comey na sessão. "Liberem todas as fitas. Por mim, tudo bem."

A declaração de Trump levou à comparação com as gravações de conversas feitas pelo ex-presidente Richard Nixon no Salão Oval. A revelação sobre as fitas levou à queda de Nixon, no escândalo do Watergate.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber