Mais lidas
Geral

ATUALIZADA - Polícia londrina acha corpo que pode ser de 8ª vítima de ataque

.

DIOGO BERCITO, ENVIADO ESPECIAL

LONDRES, REINO UNIDO (FOLHAPRESS) - A polícia britânica encontrou nesta quarta-feira (7) um corpo no rio Tâmisa, em Londres. Suspeita-se que se trate de mais uma vítima do atentado de sábado, elevando o número de mortos a oito.

A descoberta ocorreu enquanto a polícia fazia buscas pelo francês Xavier Thomas, 45, desaparecido desde que três terroristas atropelaram e esfaquearam pessoas nos arredores da ponte de Londres.

Outros dois franceses foram mortos na ação. Os três responsáveis pelo ataque, reivindicado pela organização radical Estado Islâmico, foram mortos pela polícia.

Thomas estava em Londres para passar o final de semana com sua namorada, Christine Delcros, que ficou gravemente ferida no ataque. A família do francês reclamava do "terrível silêncio" enquanto esperava por notícias.

Por enquanto, apenas três vítimas foram formalmente identificadas por familiares. A mais recente delas foi anunciada na terça-feira (6): a australiana Kirsty Boden, 28.

A enfermeira morreu ao tentar ajudar pessoas que haviam sido atacadas pelos radicais, segundo parentes.

A chancelaria da Espanha confirmou nesta quarta-feira que o espanhol Ignacio Echeverría, 39, morreu no atentado ao tentar conter os terroristas atingindo-os com um skate. O governo espanhol reclamava da demora das autoridades em confirmar o paradeiro de Echeverría.

Também morreram no ataque o britânico James McMullan, 32, e a canadense Christine Archibald, 30.

Apesar de a polícia ainda não ter confirmado o nome de todos aos mortos, meios de comunicação britânicos identificaram as vítimas restantes como Alexandre Pigeard, Sébastien Bélanger e Sara Zelenak.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber