Mais lidas
Geral

ATUALIZADA - Atirador mata cinco pessoas em empresa na Flórida

.

ISABEL FLECK

WASHINGTON, EUA (FOLHAPRESS) - Ao menos cinco pessoas foram mortas por um atirador na sede de uma empresa em Orlando, na Flórida, na manhã desta segunda-feira (5). O autor dos disparos se matou antes que a polícia chegasse ao local.

A polícia de Orlando disse acreditar que o ataque não seja uma ação terrorista, e que possa ter relação com a empresa, já que o atirador seria um ex-funcionário da Fiamma Inc., que produz toldos para acampamentos e veículos.

O atirador de 45 anos tinha sido demitido em abril, e já havia se envolvido em um "incidente violento" na empresa há três anos, segundo o xerife Jerry Demings, do condado de Orange, onde fica Orlando.

Além da arma, o atirador tinha também uma faca. A região onde ocorreu o ataque tem várias empresas e depósitos.

Entre as vítimas fatais, estão quatro homens e uma mulher. Um deles morreu após chegar ao hospital.

No último sábado (3), ao comentar o atentado em Londres, em que terroristas atropelaram e esfaquearam civis, deixando ao menos sete mortos, o presidente Donald Trump criticou o debate "politicamente correto" sobre segurança e os que defendem uma legislação mais rígida sobre o porte de armas.

"Vocês percebem que não estamos discutindo armas neste momento? É porque usaram facas e um caminhão!", escreveu Trump em sua conta no Twitter, gerando uma serie de críticas.

O ataque desta segunda ocorre quase um ano depois do tiroteio que matou 49 pessoas na boate gay Pulse, em Orlando, em 12 de junho de 2016.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber