Mais lidas
Geral

Curumin lota auditório durante Virada e faz crítica a Aécio

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O cantor Curumin lotou o auditório do CCSP (Centro Cultural São Paulo), na região central da capital, durante o seu show na Virada Cultural, realizado neste domingo (21). Segundo estimativa da produção do espaço, 650 pessoas foram à apresentação -o local conta com 622 lugares.

Curumin levantou o público com o sucesso "Compacto" e foi ovacionado depois de tocar "Passarinho". Mas o momento de maior empolgação ocorreu durante a música "Caixa Preta".

Entre as repetições do refrão "Quem é que financia, quem se beneficia", o baixista cantou o refrão da canção "D.I.S.C.O", da dupla francesa de música disco Ottawan. O trecho da música circulou nas redes sociais nas últimas semanas porque a sua sonoridade é semelhante à das palavras "de Aécio", uma referência ao tucano Aécio Neves, investigado na Lava Jato.

O público respondia com gritos de "Fora, Temer". O cantor chegou a acompanhar o coro em uma das vezes.

A artista e psicóloga Beatriz Costa Morelli, 32, que assistiu a diversas apresentações no CCSP desde sábado (20), elogiou a realização de shows da Virada Cultural no local. "Há dois anos, tive a experiência de fugir de um arrastão no evento, e me senti insegura para andar na rua", disse.

Ao contrário do que ocorreu no CCSP, outros shows na região central, alguns em palcos maiores, tiveram dificuldade de atrair público, o que pode ter sido motivado pela chuva fina que insistia em cair ao longo do segundo dia do evento.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber