Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

ATUALIZADA - Militar que vazou documentos dos EUA para WikiLeaks é solta

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Chelsea Manning, a soldado do Exército presa em 2010 e condenada a 35 anos de prisão por vazar documentos das Forças Armadas dos EUA para o site WikiLeaks, foi libertada nesta quarta (17) após ter sua pena reduzida em janeiro pelo então presidente Barack Obama.

Um dos documentos vazados é a filmagem de um helicóptero dos EUA matando civis em Bagdá, em 2007, obtido quando ela servia no Iraque.

Manning, 29, identifica-se como mulher transgênero e ficou detida em uma prisão militar masculina em Fort Leavenworth (Kansas). Ela tentou se suicidar duas vezes em 2016.

"Após mais quatro meses ansiosos de espera, o dia finalmente chegou", declarou ela em nota. "O que quer que me espere é muito mais importante do que o passado. Estou descobrindo as coisas agora --o que é animador, esquisito, divertido e novo para mim."

Manning permanecerá ativa nas Forças Armadas mas será liberada sem soldo sob alegação de excesso de contingente enquanto espera a reversão de sua condenação militar.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber