Geral

Depois de apoiar Le Pen, Trump parabeniza Macron pela vitória

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O presidente americano, Donald Trump, usou as redes sociais para parabenizar o centrista Emmanuel Macron pela vitória na eleição presidencial francesa, neste domingo (7).

"Parabéns a Emmanuel Macron por sua grande vitória hoje como o próximo presidente da França. Estou ansioso por trabalhar com ele", escreveu.

Após um ataque terrorista em Paris, no dia 20 de abril, o republicano afirmou que Le Pen era a candidata "mais forte" para lidar com a situação do país.

"Ela é a que têm a posição mais forte em relação às fronteiras e a mais forte para lidar com o que está acontecendo com a França. Aqueles que seja mais forte em relação ao terrorismo radical islâmico e que seja o mais duro em relação às fronteiras, vai se dar bem na eleição."

REPERCUSSÃO

Líderes europeus comemoraram a vitória. O porta-voz da chanceler alemã, Angela Merkel, qualificou a eleição de Macron de "vitória para Europa forte e unida".

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, seguiu na mesma linha, dizendo que os franceses elegeram "um futuro europeu" com Macron.

Pelas redes sociais, Donald Tusk, presidente do Conselho Europeu, parabenizou o centrista e o povo francês, por escolher "liberdade, igualdade e fraternidade em vez da tirania das notícias falsas".

Em meio ao"brexit", a primeira-ministra britânica, Theresa May, afirmou, por meio de seu porta-voz, que "a França é um de nossos aliados mais próximos e esperamos trabalhar com o novo presidente em um extenso leque de prioridades compartilhadas".

BRASIL

O presidente Michel Temer avalia que a vitória de Emmanuel Macron foi melhor para o Brasil e abre a oportunidade de melhorar as relações comerciais e diplomáticas com a França.

Em nota, o ministro das Relações Exteriores brasileiro, Aloysio Nunes Ferreira, disse que a vitória de Macron "reafirma o apego do povo francês aos valores democráticos com os quais nós brasileiros nos identificamos profundamente".

"A França hoje vitoriosa é aberta, acolhedora e empenhada em perseverar na construção do projeto europeu", acrescentou o ministro.