Mais lidas
Geral

Explosão de carro-bomba mata ao menos 43 no norte da Síria

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A explosão de um carro-bomba neste sábado (15) deixou pelo menos 43 mortos no norte da Síria.

De acordo com a ONG Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH), o ataque ocorreu contra comboio de 75 ônibus que levava civis e combatentes evacuados na sexta-feira (14) de Fya e Kafraya, cidades pró-governo do ditador Bashar al-Assad.

O comboio conduzia 5.000 pessoas -a maioria xiitas- que seriam levadas a Aleppo e Damasco, redutos do governo. A evacuação faz parte de acordo entre governo e rebeldes, que incluía a retirada de moradores das cidades rebeldes de Madaya Zabani, com 2.200 pessoas.

Os ônibus atacados estavam parados havia mais de 30 horas, aguardando liberação para prosseguir viagem, porque o governo e os rebeldes discordaram em relação ao número de combatentes armados no comboio.

O OSDH informou que "um suicida, dirigindo uma caminhonete que transportava alimentos, detonou o veículo perto dos 75 ônibus" em Al Rashidin, periferia rebelde a oeste de Aleppo, no norte do país. A explosão deixou também muitos feridos.

Já os comboios das cidades rebeldes permaneciam esperando em Ramussa, localidade pró-regime em Aleppo.

Pelo acordo firmado no mês passado entre o governo sírio e os rebeldes, mais de 30 mil pessoas deveriam ser evacuadas em duas etapas.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber