Mais lidas
Geral

No primeiro mês de Doria, multas de trânsito caem 17% em São Paulo

.

ARTUR RODRIGUES

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - As multas de trânsito caíram 17% no primeiro mês da gestão do prefeito João Doria (PSDB), na comparação com o mesmo período de 2016.

As infrações registradas em janeiro passaram de 1.271.907, no ano passado, para 1.060.427, de acordo com dados da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego).

Doria adotou como plataforma de campanha um discurso contra o que chamava de "indústria da multa".

As autuações feitas pelos radares caíram de 1 milhão para cerca de 800 mil. Já as multas aplicadas pelos agentes da CET aumentaram, passando de 230 mil para 257 mil.

Os veículos de passeio também passaram a ser ligeiramente menos multados, na comparação com outros meios. Em compensação, o percentual passou de 70% para 65%.

Já as motos e utilitários aumentaram sua participação entre os autuados.

As estatísticas foram divulgadas no site Mobilidade Segura, que não dispõe de dados dos meses de fevereiro e março ainda. A página foi criada ainda na gestão Haddad.

O campo onde havia o índice de mortes por 100 mil habitantes não foi atualizado. A justificativa no site é que o indicador está sendo atualizado.

ACIDENTES

Conforme reportagem do jornal "Agora", do Grupo Folha, o número de atendimentos a vítimas de acidentes pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) nas marginais Tietê e Pinheiros triplicou após o aumento das velocidades implantado pelo prefeito João Doria (PSDB), no dia 25 de janeiro.

O aumento dos limites nas duas marginais aconteceu em 25 de janeiro, com a retomada das máximas de 90 km/h na pista expressa, de 70 km/h na pista central e de 60 km/h na pista local –e a criação do programa Marginal Segura.

Dados obtidos pela reportagem por meio da Lei de Acesso à Informação, mostram que, entre 25 de janeiro e 10 de março deste ano, foram realizados 186 atendimentos pelo Samu nas duas marginais. No ano passado, no mesmo período, foram 65 casos. Houve um aumento de 186,2% (ou 2,9 vezes). Por ser bissexto, o ano passado ainda teve um dia a mais no período.

As marginais Tietê e Pinheiros registraram 117 acidentes com vítimas no segundo mês depois do aumento do limite de velocidade nas vias -média de quatro casos por dia, segundo dados divulgados pela gestão João Doria. Na comparação com os 30 dias anteriores, quando houve 106 casos, a alta é de 10,4%.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber