Mais lidas
Geral

Líder escocesa pedirá um novo referendo de independência

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A primeira-ministra da Escócia, Nicola Sturgeon, disse nesta segunda-feira (13) que vai buscar a realização de um novo referendo sobre a independência no fim de 2018 ou no início de 2019, uma vez que os termos para a saída do Reino Unido da União Europeia (UE) estejam mais claros.

A primeira-ministra afirmou ainda que acredita que pode conseguir uma vitória em um segundo referendo pela independência. O primeiro, realizado em setembro de 2014, terminou com a a vitória, por 55% a 45%, dos contrários à saída da Escócia do Reino Unido.

Tanto a Câmara dos Comuns como a Câmara dos Lordes, que compõem o Parlamento britânico, devem debater e votar nesta segunda a lei referente ao chamado "brexit". A aprovação permitirá à premiê britânica, Theresa May, dar início ao processo formal de saída do Reino Unido da UE.

Sturgeon já vinha defendendo que a Escócia fosse autorizada a fechar seus próprios acordos com a UE antes da conclusão do "brexit".

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber