Mais lidas
Geral

EUA não vão deportar imigrantes em massa, afirma secretário de Trump

.

RENATA CAFARDO

EM NOVA YORK, EUA (FOLHAPRESS) - O secretário de Segurança Doméstica dos Estados Unidos, Jonh Kelly, afirmou nesta quinta-feira (23) que não haverá deportação em massa de imigrantes. A declaração foi dada durante visita ao México, a primeira após a eleição de Donald Trump, onde Kelly se reuniu com o ministro de Relações Exteriores, Luis Videgaray.

O encontro acontece um momento de tensão entre os dois países por causa das recentes regras sobre imigração anunciadas pelo governo Trump.

Kelly ainda reforçou que as Forças Armadas dos EUA não participarão das ações de deportação. E que elas serão feitas de maneira "legal e respeitando os direitos humanos". Segundo ele, o foco das políticas de Trump serão as pessoas que cometeram crimes no país.

"Em um momento em que nossos governos têm diferenças públicas e notórias, o melhor jeito de resolver isso é pelo diálogo", disse Videgaray.

Durante a reunião, que teve também a presença do secretário de Estado americano, Rex Tillerson, ele disse que expressou sua preocupação com "os direitos dos mexicanos que vivem nos Estados Unidos".

Os representantes dos dois países se esforçaram para demonstrar que se tratou de um encontro extremamente cordial.

Em declaração à imprensa, Tillerson disse que sempre viveu no Texas, Estado próximo do México, e que tem pessoalmente muito carinho pelos mexicanos.

Videgaray também afirmou que era uma honra receber os americanos e que o "trabalho entre os dois países será demorado, mas que hoje foram dados passos na direção correta".

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber