Mais lidas
Geral

ATUALIZADA - Motor de avião da Latam pega fogo, e aeroporto de Congonhas fecha

.

MARINA DIAS E LAÍS ALEGRETTI

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O motor de uma aeronave A320 da Latam prestes a decolar em São Paulo pegou fogo no começo da noite desta quarta-feira (22) e todos os voos no aeroporto de Congonhas foram suspensos. As atividades foram retomadas às 20h07.

O avião tomava velocidade na pista, no sentido Jabaquara, e conseguiu frear no início da aceleração. O voo 3264 iria a Belo Horizonte, segundo a companhia aérea, e não há registro de feridos. O incêndio no motor da aeronave aconteceu após a colisão de um pássaro com a turbina, de acordo com funcionários da Latam, que negam problemas de manutenção.

Bombeiros contiveram labaredas de fogo, que duraram poucos segundos, com jatos de espuma, e limparam pedaços da turbina que ficaram na pista.

Havia 134 passageiros e seis tripulantes a bordo da aeronave, segundo a Latam, que disse ter oferecido acomodação ou embarque para a capital mineira em outro voo, às 22h30.

De acordo com funcionários da Infraero, os passageiros entraram em pânico dentro do avião.

O biólogo Uitã Stumpf, 29, estava no voo e relatou o momento da explosão. "O avião estava acelerando e, quando ele foi subir, ele desceu. Em cinco segundos, ele subiu e desceu e começou a derrapar. Veio aquele cheiro forte de fumaça e o pessoal começou a gritar que estava pegando fogo" disse ele, que vai ser realocado em outro voo.

"A gente ficou em pânico. Todo mundo gritando 'fogo!', a gente ficou com medo de explodir. Falaram que estava até o pessoal de [esquadrão] antibomba. E a gente com medo pelos passageiros lá dentro", disse Caio Fonseca, 23, funcionário de uma loja no aeroporto que viu o momento do incêndio.

Por volta das 19h20, o avião era recolhido da pista. Às 20h, voos que iriam pousar ainda sobrevoavam o local. O aeroporto fechou às 18h48 e foi reaberto às 20h07, após limpeza da pista.

Por ser um dos aeroportos mais movimentados do país, o fechamento de Congonhas provoca um efeito cascata e afeta outros aeroportos. Alguns voos foram transferidos para o aeroporto de Cumbica, em Guarulhos (SP).

A Latam diz que cancelou 13 voos em Congonhas e alternou outros 16. No total, o aeroporto teve 72 voos atrasados e 24 cancelados.

A companhia informou que os passageiros receberão "toda assistência necessária" e que já abriu um processo para investigar as causas do acidente.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber