Geral

Chanceler alemã espera falar sobre parcerias com Trump após a posse

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, disse neste sábado (14) que espera resolver problemas em cooperação -e não individualmente- com o presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump.

Merkel se refere a atitudes protecionistas que o republicano tem expressado como solução para o desenvolvimento dos Estados Unidos.

A chanceler pretende se encontrar com Trump para dialogar sobre essa possível resolução. Para ela, o protecionismo é um risco à prosperidade.

"Eu não quero me antecipar, mas estou muito convencida que nós enquanto parceiros nos beneficiamos mais se agirmos juntos, do que se cada um resolver por si mesmo", disse a alemã.

Ressaltando a importância do G20, que neste ano será realizado em Hamburgo (Alemanha), Merkel falou sobre a responsabilidade internacional na solução da crise financeira.

A chanceler tem deixado claro também que não está satisfeita com o possível fracasso da Parceria Transpacífico (TPP), em referência ao desejo de Trump em retirar os EUA do acordo.

"Não se trata de ficar isolado, mas de agir em cooperação, com regras comuns para regulação dos mercados financeiros. Acredito que esse é um caminho promissor", afirmou.

Altos executivos têm dito que a economia alemã poderá sofrer com a política protecionista americana, e pode ter seu crescimento comprometido.

"Esperaremos a posse e então nós vamos falar disso", disse a chanceler. A posse de Trump será na sexta (20).