Mais lidas
Geral

Greve dos bancários chega ao fim depois de um mês

.

Bancários haviam entrado em greve em 6 de setembro. Foto: Delair Garcia
Bancários haviam entrado em greve em 6 de setembro. Foto: Delair Garcia

A greve dos bancários, que causou muitos transtornos, chegou ao fim nesta quinta-feira (6). A paralisação geral durou um mês.

Os bancários reivindicavam reajuste de 14,78%, resultante da soma da inflação do período (9,78%) e aumento real de 5%. A proposta dos bancos foi de 6,5%, ou seja, abaixo da inflação, mas com um abono fixo.

Segundo a Fenabran, a proposta também inclui aumento de 10% no vale refeição e no auxílio-creche-babá e de 15%, no vale alimentação. Os bancos também se comprometeram a garantir aumento real de 1% em todos os salários e demais verbas.

Leia mais na edição impressa e digital de sexta-feira (6) da Tribuna do Norte - Diário do Paraná

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber