Geral

Autoridade religiosa islâmica "bane" o xadrez na Arábia Saudita

.

Apucaranense ganha bronze na fase final B- IMAGEM ILUSTRATIVA - ARQUIVO TN
Apucaranense ganha bronze na fase final B- IMAGEM ILUSTRATIVA - ARQUIVO TN

O líder religioso islâmico Abdul Aziz bin-Abdullah al-Sheikh fez a declaração durante uma sessão de perguntas em seu programa de televisão semanal. Segundo o sacerdote, o jogo é uma perda de tempo e de dinheiro, comparando-o a um antigo jogo conhecido como "maisir, também proibido pelo Corão. 

O xadrez não foi legalmente proibido na Arábia Saudita, pois a palavra de Abdul não carrega a força da lei, embora tenha gerado discussão no país.

O presidente da Associação de Xadrez da Arábia Saudita, Musa Bin Thaily, afirmou que o campeonato de xadrez de Meca continuará normalmente na sexta-feira. "A Associação de Xadrez da Arábia Saudita se esforçou para tornar o xadrez popular e continuará organizando eventos, a não ser que seja forçada a parar", afirmou ele.

O presidente da associação também ressalta o fato de que vários costumes banidos pela religião islâmica não são banidos também pelo povo, dando o exemplo de festivais musicais.

Fonte: independent.co.uk