Mais lidas
Geral

Ação civil pública pede indenização de R$ 20 bi à Samarco e a suas acionistas

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Uma entidade de defesa de direitos sociais com sede no Rio de Janeiro ajuizou uma ação civil pública contra a mineradora Samarco e suas acionistas, a Vale e a anglo-australiana BHP Billiton, na qual pede o pagamento de uma indenização no valor de R$ 20 bilhões.
O motivo da ação, movida pela Sohumana Sociedade Humanitária Nacional, são os danos ambientais e patrimoniais causados pelo rompimento da barragem do Fundão, da Samarco, em Mariana (MG), no dia 5 de novembro. O valor serviria para a restauração do patrimônio público nas cidades atingidas pela lama.
Em nota, a Vale afirmou que "adotará todas as medidas para assegurar seu direito de defesa" e que "manterá o mercado informado caso haja qualquer nova informação relacionada a tal ação que afete de forma material o seu desempenho".
A Sohumana já havia movido uma ação contra o ex-bilionário Eike Batista, na qual também pedia indenização devido a danos institucionais causados "à nação brasileira".

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber