Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

Eleição chama esquerda à 'profunda reflexão', diz Evo Morales

.

MARIANA CARNEIRO
BUENOS AIRES, ARGENTINA E SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Após a vitória da oposição na eleição na Venezuela, neste domingo (6), o presidente boliviano Evo Morales disse que o resultado chama os governos de esquerda da região à uma profunda reflexão.
"Os resultados devem nos convocar a uma profunda reflexão para ver como devemos defender nossas revoluções democráticas", afirmou Evo, nesta segunda (7), em entrevista coletiva na sede do governo da Bolívia.
A oposição saiu vitoriosa duas semanas após outro governo alinhado a Maduro, o de Cristina Kirchner, na Argentina, perder a disputa pela presidência para o opositor Mauricio Macri.
Para Evo, trata-se de uma tentativa de retomar o poder que estava nas mãos de governos "antiimperialistas". "O império não dorme", disse. "O império conspira permanentemente e o que estamos vendo, as agressões econômicas, têm como objetivo que o império possa voltar a ter o controle político de nossa região".
Morales é presidente da Bolívia desde 2006 e está em campanha para aprovar um quarto mandato consecutivo, que o permitiria governar até 2025. Os bolivianos decidem se a constituição pode ser alterada, permitindo mais uma reeleição, no próximo dia 21 de fevereiro.
Nesta segunda, o boliviano disse que a "democracia triunfou" na Venezuela, o que demonstra que as instituições "são confiáveis".
CUBA
O ditador de Cuba, Raúl Castro, disse ter ouvido "com admiração" as palavras de Nicolás Maduro ao ter reconhecido a perda. "Tenho certeza de que virão novas vitórias da Revolução Bolivariana."
Para ele, a eleição perdida foi "uma extraordinária batalha" do chavismo e voltou a reiterar o seu apoio ao venezuelano. "Sempre estaremos junto a vocês."





O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber