Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

Após eleição, EUA pedem que partidos 'se abram ao diálogo'

.

MARCELO NINIO
WASHINGTON, EUA (FOLHAPRESS) - O governo dos Estados Unidos parabenizou os venezuelanos pela forma "democrática e pacífica" com que fizeram "sua voz ser ouvida" nas eleições legislativas deste domingo e destacou que a vitória da oposição nas urnas deixa claro o desejo por mudanças.
A mensagem foi divulgada nesta segunda (7) pelo gabinete do secretário de Estado americano, John Kerry.
"Os eleitores venezuelanos expressaram seu desejo irrefutável por uma mudança na direção do país", afirmou Kerry.
"O diálogo entre todas as partes na Venezuela é necessário para lidar com os desafios sociais e econômicos que o país enfrenta, e os Estados Unidos estão dispostos a apoiar este diálogo junto com a comunidade internacional".
No comunicado, o chefe da diplomacia americana também exorta as autoridades eleitorais da Venezuela a continuarem a contar e publicar os resultados das urnas de forma "transparente".
TÍMIDO PROCESSO
Após anos de relações conturbadas, EUA e Venezuela iniciaram há alguns meses um tímido processo de normalização, que não produziu resultados. A tensão voltou a subir antes da eleição legislativa, quando o governo americano ameaçou ampliar as sanções contra a Venezuela caso houvesse interferência de Caracas na votação.
Os dois países não mantêm embaixadores nas respectivas capitais desde 2010.
A oposição conquistou o controle do Parlamento com a eleição de pelo menos 99 de 167 deputados, numa votação que acaba com 16 anos de hegemonia chavista no país.
O governo conquistou 46 cadeiras. Outras 22 ainda estão indefinidas, segundo o Conselho Nacional Eleitoral (CNE), o que significa que não está descartado que a oposição, que já tem A maioria simples, alcance a maioria absoluta (101 deputados).

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber