Mais lidas
Geral

Invasão a hotel do Mali termina com 18 mortos; reféns são libertados

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Após sete horas, todos os reféns mantidos em um hotel de luxo no Mali foram libertados, de acordo com o coronel Salif Traoré, ministro da Segurança Interior do país.
No hotel, foram encontrados ao menos 18 corpos, segundo a agência France Presse. Inicialmente, havia 170 reféns, entre funcionários e hóspedes.
A invasão, realizada por um grupo armado de radicais islâmicos, foi realizada em um hotel em Bamaco, capital do país africano. Ainda não foi confirmada a autoria do ataque.
Os sequestradores entraram no hotel às 7h (5h de Brasília) em um carro com placa diplomática e abriram fogo contra os seguranças do prédio. Ao menos quatro ficaram feridos, dois em estado grave.
As forças de segurança invadiram o prédio e realizaram combates andar por andar.
Às 10h, a empresa divulgou um novo comunicado dizendo que 124 hóspedes e 13 funcionários continuavam dentro do hotel.
O local, que costuma abrigar estrangeiros, tem 190 quartos e fica em uma região da capital repleta de bancos, restaurantes e outros hotéis.
A Air France cancelou o voo 3852 de Paris para Bamaco previsto para esta sexta-feira por conta dos ataques.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber