Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

Jornalista que estava no Bataclan relata ataque à casa de shows

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Um jornalista da rádio Europe1 que estava na casa de shows Bataclan, em Paris, disse à rádio que o ataque no local foi conduzido por "dois ou três indivíduos sem máscara" que começaram a atirar de forma indiscriminada na multidão por pelo menos dez minutos.
"Dois ou três indivíduos não mascarados entraram com fuzis e começaram a atirar a esmo contra a multidão. O ataque durou de dez a quinze minutos. Foi extremamente violento e houve uma onda de pânico. Todos começaram a correr para o palco e muitos foram pisoteados.", disse Julien Pierce.
O jornalista disse ter visto muitas pessoas feridas a bala.
"Os atacantes tiveram tempo de recarregar as armas pelo menos três vezes. Eles não estavam mascarados, estavam muito seguros de si e eram muito jovens", disse.
Pierce disse que havia muito barulho no local, mas que ele não ouviu os terroristas dizerem nada durante o ataque.
Quando conseguiu correr pela saída de emergência, o repórter viu uma dezena de pessoas ensanguentadas no chão. Entre elas estava uma garota que foi atingida por dois tiros e que ele carregou até as equipes de socorro.
Em seguida, ele falou com uma família que estava presa no segundo ou no terceiro andar do prédio que disse que os terroristas ainda estavam no local.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber