Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

Polícia identifica 2º corpo em Mariana (MG); 25 ainda estão desaparecidos

.

JOSÉ MARQUES, ENVIADO ESPECIAL
MARIANA, MG (FOLHAPRESS) - A polícia confirmou a identificação da segunda vítima morta após o rompimento de duas barragens de uma mineradora na zona rural de Mariana (MG). Com a identificação, há ainda 25 pessoas desaparecidas após a tragédia.
Segundo o delegado Rodrigo Bustamante, a família de Sileno Narkievicius de Lima, 47, identificou o corpo. Ele era motorista da Integral Engenharia, empresa que prestava serviços à Samarco, mineradora responsável pelas barragens.
Na quinta-feira (5), duas das quatro barragens se romperam no subdistrito de Bento Rodrigues e criaram um "tsunami de lama" que destruiu centenas de casas, arrastou carros e caminhões e deixou ao menos dois mortos.
No final de semana, a Folha tinha falado com a família de Lima no domingo (8). "Minha tia quer ir até a barragem cavar a lama com as próprias mãos. Ela está desesperada sem informações", disse Miguel Narkievicius, 30, sobrinho do motorista.
De acordo com Bustamante, o corpo de Lima estava próximo à barragem do Fundão, uma das que se romperam. O corpo dele será levado para velório e enterro em João Monlevade, cerca de 110 km de Belo Horizonte.
Além dos dois mortos identificados, há ainda outros dois corpos que foram achados com lama na região da tragédia. A polícia aguarda a identificação para saber se há relação com o rompimento das barragens.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber