Mais lidas
Geral

Atentados contra mesquitas deixam ao menos 42 mortos na Nigéria

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Ao menos 42 pessoas morreram e centenas ficaram feridas em dois atentados contra mesquitas nesta sexta-feira (23) na Nigéria.
O primeiro ataque ocorreu em uma mesquita de Maiduguri, na capital do Estado de Borno, durante a primeira oração da manhã, por volta das 5h (local). Estima-se que 15 pessoas tenham morrido.
Horas depois, outras 27 pessoas morreram e 96 ficaram feridas após uma explosão na inauguração de uma mesquita em Yola, a capital do Estado de Adamawa, segundo a Agência Nacional de Gestão de Emergência.
Nenhum dos ataques foi reivindicado, mas se acredita que eles tenham sido cometidos pela facção terrorista Boko Haram, que atua na Nigéria (onde surgiu), Chade, Camarões e Níger e tem como objetivo a fundação de um califado.
Os extremistas da milícia frequentemente têm como alvo mesquitas, onde, segundo eles, clérigos expõem uma forma muito moderada do islã.
Nos últimos seis anos, o Boko Haram deixou mais de 20 mil mortos e 2,3 milhões de desalojados na Nigéria. Recentemente, a facção se aliou ao Estado Islâmico.




×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber