Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Geral

Cantareira e Alto Tietê registram um terço das chuvas do mês em cinco dias

.

FABRÍCIO LOBEL
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Dois dos maiores reservatórios de água da Grande São Paulo tiveram boas chuvas neste início de outubro.
Tanto o sistema Cantareira quanto o Alto Tietê, os mais castigados pela forte estiagem paulista, já registraram um terço da chuva esperada para todo outubro nos cinco primeiros dias do mês.
O sistema Cantareira, que abastece cerca de 5 milhões de pessoas, recebeu desde o dia 1º, 41 milímetros de chuva. O valor é 32% dos 128 milímetros de média para o mês. O Cantareira tem hoje 12,9% de sua capacidade, já contando com duas cotas de volume morto, que é a porção de água dos fundos das represas captado emergencialmente com a ajuda de bombas.
Já no sistema Alto Tietê, o primeiro reservatório a socorrer bairros atendidos pelo Cantareira, a chuva acumulada até hoje é de 38,1 milímetros, contra 115 milímetros de média (33% da média). O Alto Tietê tem 15,4% de sua capacidade.
No Sudeste, a temporada de chuva se inicia justamente em outubro e traz a esperança de alívio para a seca que atinge São Paulo há quase dois anos.
O problema é que nos últimos dois anos, a temporada de chuva não veio como previsto. Em 2014, ela praticamente não ocorreu e em 2015, ela chegou com atraso, em fevereiro, e foi muito breve.
Segundo o hidrólogo da universidade federal do Rio Grande do Sul, Carlos Tucci, é possível que as últimas semanas chuvosas no Sudeste possam indicar uma retomada dos padrões de chuva sobre São Paulo.
Em setembro, os reservatórios da Grande São Paulo, já haviam registrado chuvas além da média. Além disso, foi o primeiro mês desde o início da crise hídrica em que o volume de água armazenado nas represas de São Paulo foi maior do que no mesmo mês do ano anterior.
Tucci alerta que, apesar das boas notícias, a atual chuva está longe de livrar São Paulo da crise hídrica.
"Deve demorar ao menos três anos com boas chuvas, para que possamos sair dessa situação de crise", diz.
PREVISÃO DO TEMPO
De acordo com a previsão do tempo, a aproximação de uma frente fria deve trazer chuvas no fim da quinta-feira (8). Antes disso, no entanto, a tarde de quinta deve ser de forte calor, com termômetros chegando a 32ºC.
A condição de tarde quente com noite chuvosa deve seguir pela sexta-feira, até o sábado, quando a previsão é de chuva para a região de São Paulo.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber