Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

Grupo ligado à Al-Qaeda mata cerca de 56 soldados do exército sírio

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O braço da Al-Qaeda na síria e seus aliados islamitas executaram pelo menos 56 soldados do exército em um aeroporto militar recentemente ocupado, informou a ONG Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).
A Frente Al-Nosra e seus aliados islamitas fuzilaram os soldados no aeroporto de Abu Duhur, afirmou Rami Abdel Rahman, diretor do OSDH.
As execuções aconteceram no início da semana, mas a ONG só conseguiu confirmar a notícia este sábado (19).
"Nós confirmamos isso ontem à noite, por meio de pessoas que testemunharam e por meio de algumas fotos que chegaram. A execução aconteceu", disse Rami Abdulrahman, diretor do Observatório
A Frente Al-Nosra integra uma aliança de jihadistas e forças islamitas chamada "Exército da Conquista", que assumiu o controle do aeroporto militar de Abu Duhur em 9 de setembro.
O conflito sírio, uma complexa guerra interna entre forças do regime de Bashar al-Assad, jihadistas da Al-Qaeda, jihadistas do Estado Islâmico (EI) e curdos na região norte do país, provocou 240.000 mortes em quatro anos e meio.




O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber