Facebook Img Logo
Mais lidas
Geral

Rodovias paulistas têm tráfego lento da volta do feriado de 7 de Setembro

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - As principais rodovias paulistas têm congestionamento nesta segunda (7) na volta do feriado do Dia da Independência. Por volta das 15h, foram registrados trechos de lentidão nas estradas que ligam a capital paulista ao litoral, ao interior do estado e ao Rio de Janeiro, a Belo Horizonte e a Curitiba. As informações são da Agência Brasil.
O sistema Anchieta-Imigrantes, que liga a capital paulista à Baixada Santista, realiza nesta segunda-feira a Operação Subida, com oito pistas no sentido São Paulo e apenas duas para descer a serra em direção ao litoral.
A rodovia Padre Manoel da Nóbrega, que também compõe o sistema, tem 12 quilômetros (km) de engarrafamento por excesso de veículos, entre o km 292 e o km 280. A saída do Guarujá é lenta pela SP-248, do km 8 ao km 1.
A concessionária Ecovias chama atenção para o tempo encoberto com chuva em pontos isolados e neblina no trecho de serra, provocando visibilidade parcial. A estimativa da Ecovia é que 249 mil veículos seguiram para o litoral neste feriado.
Na Bandeirantes, que liga a capital ao interior do Estado, o tráfego é lento no sentido capital já na chegada a São Paulo, entre o km 16 e km 13. De acordo com a concessionária Autoban, a lentidão ocorre por reflexo do congestionamento nas marginais Pinheiros e Tietê. Também no sentido capital, há filas de carro do km 77 ao km 58, próximo a Jundiaí.
Na Anhanguera, o trânsito é intenso também nas proximidades de Jundiaí, do km 64 ao km 60. O tráfego de caminhões está permitido apenas por esta rodovia, pois a Bandeirantes tem restrição entre o km 48 e o km 23 no sentido São Paulo.
A rodovia Castello Branco, no sentido São Paulo, tem trânsito lento em Itu, Mairinque, Araçariguama, do km 70 ao km 55. Esta rodovia liga São Paulo aos municípios da região oeste. No sentido interior, também há congestionamento entre o km 13 e o km 79.
Na Via Dutra, o tráfego é lento próximo ao município paulista de Roseira, do km 76 ao km 78, no sentido São Paulo. Há engarrafamento também próximo a Nova Iguaçu, do km 163 ao km 176. Em direção ao Rio de Janeiro, os piores trechos são entre o km 178 e km 177, próximo a Nova Iguaçu (RJ); e em Pindamonhangaba (SP), do km 88 ao km 87.
No sentido São Paulo, a Fernão Dias, que liga o Estado a Belo Horizonte, registra congestionamento nas seguintes regiões: do km 8 ao km 13, próximo a Vargem e Bragança Paulista; do km 17 ao km 25, na região de Bragança Paulista; e do km 37 ao km 58, nas regiões de Atibaia e Mairiporã, todos municípios paulistas. Em direção a Belo Horizonte, não era registrada lentidão na tarde desta segunda.
A Régis Bittencourt tinha filas de 4 km entre a região de Miracatu (SP) e a Serra do Cafezal, no sentido São Paulo, devido ao excesso de veículos. A rodovia liga São Paulo a Curitiba. O tráfego era moderado entre o km 50 e o km 44, entre a região de Campina Grande do Sul (PR) e o km 44, próximo à Ponte da Represa.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Geral

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber